SESSÃO PUBLICOM OCORRE NO INTERCOM

Intercom SulNo Comments

Você está aqui:SESSÃO PUBLICOM OCORRE NO INTERCOM

Durante a programação do Intercom Sul, na sexta-feira (16/07), haverá a Sessão Publicom, com lançamentos de quatro livros, na livraria
Laranja Lima, no Centro de Convivência da UCS.

O aluno de Jornalismo, André Sebben Ramos, lança o livro Basta, pela editora Quatrilho. O livro Basta! traz o primeiro modelo de democracia deliberativa em rede, ou ainda, de democracia participativa pela internet chamado “Rede Cívica”. Por ser um portal on-line, alia a tecnologia da internet com o Estado, para conectar as pessoas em um canal comum de comunicação (ação comum), para exercer o poder político de forma organizada. Com o direito à emancipação política, os cidadãos poderão formar uma sociedade organizada com poder de voto no Poder Legislativo e assessoramento ao Poder Executivo.

O autor Luis Fernando Frandoloso lança O Flâneur e as Ruas: Fotógrafos e Seus Dispositivos na Captura do Acaso, pela editora Appris. Este livro propõe um passeio pelas ruas na companhia de fotógrafos que fizeram uso desse espaço como fonte inspiradora para o registro de imagens e que incorporaram em seus trabalhos um elemento recorrente: o acaso. Como princípio técnico da produção imagética, a fotografia ocupa um lugar relevante nos meios de comunicação. Partindo deste ponto, a obra aborda as mudanças tecnológicas nos dispositivos fotográficos e aponta em que medida estas implicam na reconfiguração das práticas e processos para a captura de imagens provenientes da
paisagem urbana. A partir da compreensão da evolução dos dispositivos, das diferentes maneiras de caminhar pelas cidades e da relação entre o flâneur e o fotógrafo de rua, esta pesquisa desdobra-se em possíveis articulações e experiências que tais relações suscitam.

 O autor Eduardo Ritter, lança pela editora Unijuí, o livro A Tribo de Érico Veríssimo. Érico Veríssimo, além de ter sido um dos grandes nomes da literatura brasileira, atuou durante uma década no jornalismo nos anos 1930, sendo eleito o primeiro presidente da Associação Riograndense de Imprensa (ARI). Ao longo de sua carreira o jornalismo acabou tendo forte influência na obra do escritor, não apenas em relação à linguagem, como também na criação de seus personagens. É sobre essa relação entre criação literária e jornalismo que Eduardo Ritter explora os romances de Verissimo. No total, são 23 personagens jornalistas que aparecem em 10 dos 13 romances de Verissimo. É essa “tribo jornalística” de Verissimo que é analisada pelo autor.

As autoras Ana Mery Sehbe de Carli e Flávia Ramos (orgs), lançam pela Editora UCS a segunda edição de Tropicália – Gêneros, Identidades, Repertórios e Linguagens. A obra é uma coletânea de textos acerca da Tropicália. Ela busca o resgate do que foi o movimento a partir dos olhares das artes plásticas, da música, da economia e da política. Tem sua atenção nas propostas de valorização da cultura brasileira e das marcas que este movimento cultural provocou na sociedade brasileira contemporânea. Esta segunda edição foi atualizada a e ampliada.

Os lançamentos ocorrem no segundo dia de Intercom, das 18h30min até 19h30min.

 Texto: Kimberly Salomão

Foto: Arquivo pessoal (André Sebben)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Top